sexta-feira, 2 de julho de 2010

A primeira copa da minha vida

Não, 2010 não é a primeira copa que tenho na memória. A primeira de que me lembro é a do tetra, em 94, quando estávamos em Curitiba. Me lembro de que eu e a Maya estávamos jogando Sonic em um tapete branco, felpudo, na casa de uns amigos dos meus pais quando pediram (mandaram, na verdade!!!) que a gente desligasse para que assistissem à final contra a Itália. E que final. Lembro-me que meu pai não aguentou assistir aos pênaltis. Ficou lá fora e depois correu pro abraço. À época fiquei muito brava por atrapalharem o meu Sonic. Hoje entendo.

Em 98 também me lembro da final. Triste final. Me lembro de todos nós assistindo o Brasil ser derrotado pela França na nossa casa, na Vila C. Lembro que ali começou minha raiva pela seleção azul.

2002. Lembro até da data do penta: 30 de junho. Aniversário do João, meu amigo, fizemos passeata em Corbélia. Tudo era verde e amarelo e a sensação que me lembro era de puro êxtase. Mas, dessa copa, não me lembro sequer da final.

Confesso, nunca fui fã de assistir a jogos de futebol. Em 2006 ia por causa do embalo da galera. Faculdade, jogos com muita cerveja. O quadrado mágico que todos nós acreditávamos que ia humilhar o resto do mundo, com Ronaldo Fênomeno, Ronaldinho Gaúcho, Adriano e Kaká.... E que nos levou até as quartas, esbarrando em Zidane e na França, mais uma vez.

Hoje, 2 de julho de 2010, mais uma vez abandonamos a copa nas quartas. Dessa vez enfrentamos uma equipe diferente e, para a nossa felicidade antecipada, a França e a Itália foram eliminadas ainda na primeira fase. Hoje, 2 a 1 para Holanda. Na primeira copa que curti, que parei para assistir a jogos além dos do Brasil, que quase chorei ao ver a nossa seleção partir.

3 comentários:

Larissa Bortolli Menezes disse...

Não gosto de futebol, mas da copa eu gosto. Sei lá, é diferente. É tão gostoso ver todo mundo de verde e amarelo, as mãos apertadas de tensão e todo mundo vibrando pelo país. Amo.
Bem vinda à Copa do Mundo

Lucemary disse...

Muito triste o Brasil se despedir assim. Pior ainda o sorrisinho idiota do Maradona dizendo que ele não tem nada a ver com o Brasil e com o fato de termos vindo embora mais cedo. Terrível, na verdade, porque não se sabia o que viria no dia seguinte, Argentina x Alemanha.
...
Dia seguinte, a imensa alegria de ver a Argentina com o mesmo destino. Ops, que injustiça! O mesmo, não. Nós fizemos um gol, e sofremos uma virada. Ainda bem. Muito pior sofrer uma goleada!!!!
...
Agora é torcer pro Uruguai!!
:D
Agora é torcer

Maya disse...

É nestas horas que eu me pergunto:
PAULA, COMO VOCÊ PODE LEMBRAR DESTAS COISAS? QUANTOS GIGAS DE MEMÓRIA VOCÊ POSSUI???????????
haha
Pô, esta é a segunda copa que eu realmente sigo... Assisti ao primeiro jogo com a galera, bebendo. Assisti ao segundo jogo com a Camilla e a Gabi, sem beber. E aos três outros jogos assisti em casa, sozinha, ou estudando ou fazeno trabalho, na esperança de que os outros jogos do Brasil (semi e finais) eu pudesse aproveitar mesmo, bebendo, com a galera... Vã esperança. tsc tsc.
Mas tudo bem, copa que vem é aqui, eu já estarei formada (se eu não resolver desistir de curso de novo, haha), ganhando MUUUUUUUIITOOO dinheiro (com ênfase no MUITO!), e poderei assistir no estádio. E nessa, vamo que vamo! =D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...