sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Tal mãe, tal filha


A mãe


Quando criança, sabia de duas coisas. Sabia que queria ser jornalista, mas, principalmente, sabia que queria ser mãe. (http://confidentia-lu.blogspot.com/2008/10/falando-em-amor.html)

Jornalista, por algumas ironias do destino, ela ainda não é. Mãe, sim. E com louvor.


A filha


Quando criança, não sabia o que queria da vida. Apenas imaginava, em suas brincadeiras de boneca, o dia em que teria uma bonequinha de verdade, que falasse, que brincasse, que chorasse, só pra ela. Hoje ela ainda não sabe nada da vida. É jornalista, mais uma vez por ironia do tal destino. E sonha em ser mãe. Tudo ao seu tempo, claro.


A mãe


É estilosa, gosta de moda, tem liderança. Ama ler, assiste a bons filmes, conhece muita coisa. Pinta e desenha muito bem, faz artesanato, fura a parede, martela a estante. É de Goiás mas, quando perguntada, responde prontamente: "Sou paranaense."


A filha


Poderia ser mais estilosa, menos careta e mais descolada. Deveria ler mais, saber escolher melhor aos filmes e estudar mais sobre o mundo. Desenha razoavelmente, nunca pintou. Descobriu-se, há pouco tempo, uma artesã. Por cautela, chama a mãe quando quer furar a parede. É paranaense e, quando perguntada, responde: "Iguaçuense, não iguassuína."


A mãe


Tem medo, porque é um ser humano normal. Mas é mais forte que eles, e passa por cima. Tem boas escolhas, quase sempre.


A filha


Não conhece ninguém mais medrosa que ela mesma, e raramente tem coragem de enfrentar seus medos. Imaginem que, até hoje, aos 22 anos, não mata baratas! Cansou das vezes que a pararam na rua perguntando: "Você é filha da Lu? Nossa, há quanto tempo não vejo a Lu... mas você é a cara dela, heim?"


Mãe e filha


Se amam. Amam a vida. Amam esse tempo que têm tido juntas. Amam comemorar, neste ano, o Ano do Dobro. Amam sair juntas, almoçar juntas, estudar juntas. E cultivam, também, um grande amor pela escrita. Amor esse que vocês vão conhecer, aqui.

5 comentários:

Lu disse...

Eu não poderia, nunca, em tempo algum, fazer um texto melhor.
Amo partilhar esse tempo com você. Amo ser sua companheira na jornada maravilhosa que é a vida (Gibran Khalil Gibran, o Profeta:"...vossos filhos não são vossos filhos..."). Amo tudotudotudo em você. Até quando você acorda da pá virada ou chora por erro de comunicação. Também, me explica: como não amar? Se você é doce (quando quer), é linda (apesar de se parecer comigo), é inteligente (mesmo duvidando disso - ops! olha'í outra semelhança...); é fofa e é tão fácil de amar?
Há tempo pra tudo nesta vida - e este é o nosso tempo. Desde quase 23 anos atrás até o infinito insondável. E sempre, amor.

Lu disse...

"Se amam. Amam a vida. Amam esse tempo que têm tido juntas. Amam comemorar, neste ano, o Ano do Dobro. Amam sair juntas, almoçar juntas, estudar juntas. E cultivam, também, um grande amor pela escrita. Amor esse que vocês vão conhecer, aqui."

...

Amei tanto este ultimo paragrafo do seu post que nao comentei o que queria... rssss... mas sempre eh tempo, nao eh? Entao... sei que nao sou essa cocacola toda, mas sei tambem que amo que seus olhos me vejam assim. E estou muitomuitomuito feliz que, finalmente, voce tenha inaugurado este espaço que eh nosso... mesmo que soh nos mesmas sejamos as leitoras... isto nao importa... o que importa eh que sonhamos tanto juntas, planejamos tanta coisa juntas e finalmente algo saiu da esfera sonho/projeto pra esfera realidade... e agora nos cabe dedicacao pra que nao seja apenas mais um sonho sonhado em vao... ;)
...
Teamovoce,PauladeAssisFernandes!

Maya disse...

Primeiro: Adorei o texto, maninha!!! Resumão de vocês, e de suas "igualidades"!
Só queria saber como vocês estão vivas ainda, depois de mais de seis meses juntas e isoladas neste canto do Brasil.. hehehe

Segundo (esse é pro post da mãe): sim, mãe, que falsa modéstia é essa ("...é linda (apesar de se parecer comigo)..." )?? isso não combina com você, sabia? hehehe
e vocês duas são lindas lindas lindas, e uma é a cópia da outra, ok? xD

Terceiro (pro outro post da mãe): como assim, só vocês que vão ler? e eu? eu andei sem net, mas voltei à ativa, ok? marcarei presença sempre!!! xD

Quarto (e último): CADÊ A MINHA AUTORIZAÇÃO NO MEU EMAIL PARA EU TAMBÉM POSTAR NESSE BLOG????????????????????????? ou vocês me desconvidaram? isso é falta de educação, sabia??

;)

Amo vocês! Saudades!!!!!

Drica disse...

Oi meninas!!!
Pena que não me "sobra" muito tempo para ficar na net e fazer muiiiitas outras coisas.. rsrsrs. As meninas daqui são danadinhas, barrigudinhas, branquelinhas, moram no rio, sapinhas (como diz minha filha mais velha quando se refere a mais nova!) e me ocupam TODO o tempo. Para terem uma 'pequena' noção a mais velha já acordou duas vezes essa noite (até agora!) e a mais nova... já perdi as contas! E fico ligada nelas o tempo todo! Bota tempo todo nisso... Mas, voltando ao assunto inicial, pena que não me 'sobre' muito tempo para ficar na net, pois ADOREI os blogs de Lú e mais ainda esse que vocês duas dividem! PARABÉNS por essa família que parece ser BEM LINDA!
Bjs, Drica

Drica disse...

São 04:19h da manhã! Vou tentar 'dormir' um pouco agora! Vejo vocês mais tarde... Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...